top of page
  • Foto do escritorGUIA MIRAI

NOVEMBRO COMEÇA COM FRIO ATÍPICO EM GRANDE PARTE DO BRASIL

O mês de novembro começa com declínio de temperatura e chuva forte em Mirai e região.




Com frio intenso e atípico para esta época do ano em quatro regiões do Brasil, especialmente no Sul, o mês novembro começa bem diferente. A queda brusca das temperaturas ocorrerá devido à passagem de uma frente fria seguida de uma forte massa de ar de origem polar.


Já nessa segunda-feira (31) pela manhã, o frio atingi o Rio Grande do Sul e parte de Santa Catarina e, até o fim do dia, avança por todo o território catarinense. Também serão afetados o Paraná, o centrossul do Mato Grosso do Sul e parte de São Paulo. A previsão indica, no início da semana, queda em torno de 15°C na Região Sul e parte das regiões Sudeste e Centro-Oeste.


Entre a noite de segunda-feira (31) e no decorrer de terça (1), também há uma pequena possibilidade de neve entre o Planalto Sul Catarinense e a região dos Aparados da Serra, no Rio Grande do Sul, especialmente no Morro da Igreja (SC). Até o momento, não há registro de neve nas estações meteorológicas do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) para o mês de novembro.


A massa de ar frio continuará se deslocando para o Sudeste, Centro-Oeste e Norte do País entre segunda (31) e terça-feira (1). O sul dos estados de Minas Gerais, Espírito Santo, Mato Grosso, Goiás e Amazonas também vão registrar baixas temperaturas, assim como todo o Rio de Janeiro. A figura 2 mostra a previsão de temperatura mínima para o início da manhã de quarta-feira (2), quando a massa de ar frio atinge os estados de Rondônia, Acre e Amazonas, na Região Norte do Brasil.


Essa intensa e atípica massa de ar frio deve atuar no Brasil até o fim da semana, com possibilidade de temperaturas negativas e geada até quinta-feira (3), principalmente, nas áreas mais altas da Região Sul. A figura 3 apresenta uma tendência de formação de geada ao amanhecer da quarta-feira (02) indicando, por enquanto, chance de geada forte em áreas das Serras Gaúcha e Catarinense.


De acordo com a previsão mais atual, poderá ocorrer quebra de recordes de temperaturas para o mês de novembro em algumas localidades.



GUIA MIRAI por INMET.

Comments


bottom of page