top of page
  • Foto do escritorGUIA MIRAI

ESCORPIÕES - AGOSTO E SETEMBRO SAO MESES DE REPRODUÇÃO E PERIGO AUMENTA; ASSISTA O VIDEO



Escorpiões são avistados, encontrados e comunicados à Vigilância Epidemiológica do município, o ano inteiro. No entanto, nos meses de agosto e setembro este perigoso animal peçonhento se reproduz e, consequentemente são os meses em que a Vigilância recebe mais notificações sobre suas aparições. E, pior, época em que aumentam significativamente os casos de pessoas picadas por escorpiões.


Os escorpiões são animais pertencentes ao Filo Arthropoda, classe Arachnida e são encontrados principalmente em regiões tropicais e subtropicais, vivendo embaixo de rochas, escondidos em materiais orgânico ou em decomposição, presente na superfície do solo de matas, sob folhas, galhos, flores, frutos, sementes e dejetos de animais, além de buracos na terra. No Brasil, há cerca de 160 espécies distribuídas em cinco famílias: a família Buthidae é a mais abundante e nela se encontram as espécies potencialmente perigosas, causadoras de graves acidentes, podendo levar a óbito, principalmente idosos e crianças.

A coordenadora de Endemias, Idália Carneiro, tem feito, junto com sua equipe, uma verdadeira operação de guerra para combater a praga: as ações vão do atendimento às notificações às palestras que tem ministrado em fábricas e comércios da cidade. Ela ressalta a importância da população não só tomar cuidados em relação à aparição dos escorpiões, como à imediata comunicação às autoridades no caso de detecção de algum animal. Também é de suma importância no caso de uma picada, procurar imediatamente o serviço público de saúde.

“Agosto e setembro,são os meses de reprodução do escorpião: esses dois meses, tendem a aumentar o número de casos de picada. A orientação é para que os moradores realizem limpeza de quintais, retirem acúmulo de madeiras, pedras, entulhos que são locais de acomodação dos mesmos. E em caso de picada, procurar a Saúde pública.", conclui a coordenadora.

Cuidados com as áreas externas

Mantenha limpos quintais e jardins, não acumule folhas secas ou lixo domiciliar.


Acondicione o lixo em sacos plásticos ou outros recipientes fechados e entregue para o serviço de coleta.


Elimine baratas, aranhas, grilos e outros pequenos animais invertebrados,eles são fontes de alimento para os escorpiões.


Evite entulhos de obras.


Preserve os inimigos naturais do escorpião: aves, pequenos macacos, quatis, lagartos, sapos e gansos (as galinhas não são agentes controladores eficazes dos escorpiões, pois possuem hábitos diurnos enquanto os escorpiões, noturnos).


- Evite queimadas em terrenos baldios para evitar o desalojamento.

- Remova folhagens, arbustos e trepadeiras junto às paredes externas e muros.

- Mantenha fossas sépticas bem vedadas.

- Reboque as paredes e muros, eliminando vãos ou frestas.


Cuidados dentro de casa


Vede soleiras de portas com rolos de areia ou rodos de borracha.

Repare rodapés soltos.

Use telas nas aberturas dos ralos, pias e tanques.

Use telas nas aberturas de ventilação de porões.

Mantenha berços e camas afastados, no mínimo 10 centímetros das paredes.

Evite que mosquiteiros e roupa de cama permaneçam em contato com o chão

Mantenha todos os pontos de energia e telefone vedados.

Em locais com muita vegetação, feche as portas e janelas de casa ao entardecer.

Mantenha gavetas e armários fechados.

Examine roupas e calçados antes de usá-los, principalmente quando ficaram expostos ou espalhados pelo chão.


GUIA MIRAI



Comentarios


bottom of page